segunda-feira, 11 de abril de 2011

Cartas



Já lembrei, antes de dormir.
Será que a Astrologia é tão determinante assim?
Se for, é seu ascendente que te frita.

Você é raro, eu sei. 
Mas eu confesso que acredito que esse lugar faz estragos no potencial humano.
Verdade que estou seca, é resultado. Do meu dia, e de não saber se você sequer lê o que eu escrevo.
Mas há um amor que transborda, aqui dentro trago Lírios e Lótus pra te dar.

Que nos acordem, sempre, as flores, para a música misteriosa da Vida.

O meu desejo é que por um pouquinho, todos os dias, você visite e vivencie sua representação de Deus. 
Ela se transforma e nos transforma. É uma pesquisa infinita, mas sem algum foco se perde. 
Da solidão e desse contato, um pouquinho que seja, o amor puro cresce.
Não é que você não saiba ou faça, mas é o meu desejo. Com flores. 

Um abraço e um beijo, com potência 28.

Nenhum comentário: